A ÚLTIMA GRANDE PROMOÇÃO do Xbox (e mídia física) no Brasil

A Promoção foi rápida e vai deixar saudade.

No dia 27 de outubro de 2023, aconteceu uma promoção de Blu-rays de videogame nas Lojas Americanas, mas especificamente para jogos de PS4, PS5 e Xbox.

Provavelmente essa será a última vez que veremos uma promoção de mídia física de jogos de videogame realizadas em lojas oficiais no Brasil.

Já foi confirmado que várias empresas deixarão de publicar seus jogos em mídia física (veja também aqui). Além disso, estamos em uma geração de console que claramente deseja abandonar mídia física.

“E qual o problema nisso? Mídia digital é bom demais”.


Talvez quem não viveu épocas anteriores encare isso como um aspecto positivo, mas muito além da nostalgia, me cabe aqui salientar os pontos onde o gamer perderá. 


O problema, neste caso, é que quem perde é o cliente.


Aqui vai um resumo do que perderemos:

  1. O mercado de usados, ou seja comprar o jogo mais barato
  2. A possibilidade de emprestar jogos para os amigos
  3. A possibilidade de jogar offline (instalar o jogo em um lugar sem internet)
  4. Preços dos jogos digitais e serviços de assinatura só tendem a aumentar (já está acontecendo). 
  5. Opção!



Mais antes de tratar de coisa ruim, vamos falar de coisa boa, ou seja, como foi a promoção.


Como foi a promoção da Americanas

Promoção muito boa, especialmente para fãs do Xbox.

 

A promoção de jogos da Americanas se iniciou no dia 27 de outubro, e aconteceu tanto no site quanto nas lojas físicas e jogos com preços a partir de R$ 19,90.

No geral, a promoção tinha essa configuração:

  •     Jogos do Xbox One - R$ 19,90
  •     Jogos de PS4 - R$ 29,90
  •     Outros jogos com preço de R$ 99,90 - R$ 149,90
Meu saldo da promoção.

 

A promoção foi tão rápida que muitas lojas sequer tinham banners promocionais.

Vi muita gente comentando em grupos que “não viu a promoção”. E de fato era necessário chamar o vendedor e pedir para ele verificar o preços “jogo a jogo”, para aí sim, verificar quais estavam em promoção.

Esse foi o meu saldo. Aqui em Teresina não tinha muitos jogos em promoção. Peguei esses por R$ 29,90 cada.


Agora vamos falar do porquê é B*RRICE advogar pelo fim da mídia física. 



Menos opção é melhor? (Oi?)

Em qualquer modelo de capitalismo, ter mais opção é sempre melhor para o consumidor.

O fim da opção de mídia física será um cenário onde as empresas vão ter mais liberdade de explorar o consumidor, e este último terá menos opção de economizar.

Pense por um momento com o que aconteceu com os serviços de streaming de filmes e séries? A qualidade caiu e o preço aumentou? E ainda assim, apenas Netflix saiu no positivo, enquanto Disney, HBO e outras seguem perdendo dinheiro. 

No ramo dos jogos a coisa pode seguir exatamente por esse caminho. 

O cliente então perde a opção de conseguir jogos mais baratos sem o aval da empresa, em outras palavras, perde a opção de ser DONO do JOGO.

Nâo é saudosismo, é economia mesmo. Se você prestar um pouco de atenção, até mesmo em lançamentos, a mídia física costuma ser mais barata do que o jogo digital.

Ainda esqueci do detalhe que mídia física dá pra parcelar.


[uma coisa é abraçar a modernidade, outra é abraçar a b*rrice. São coisas bem diferentes]

Não vou nem entrar na discussão sobre "comprar jogos" vs "gamepass", pois já ficou evidente né? O melhor é ter os dois, ter opção.

O mesmo vale para mídia física vs digital. O ruim é não ter opção. Aí ficamos refém dos preços que as fabricantes de consoles e publishers colocarem. 

Esse lance de "ah mas eu não uso", é exatamente a mentalidade que as empresas querem na hora delas economizarem e explorarem o consumidor.Tem sempre alguém que usa meu chapa. 

Não faz o menor sentido um jogo digital ser mais caro que uma mídia física. A não ser o preço abusivo mesmo para lucrar fácil pela “comodidade”.
 


Fim do mercado de usados

Um dos grandes prejudicados pelo fim da fabricação de mídia física no Brasil é quem busca garimpar jogos no mercado de usados.

Perderemos a opção de comprar jogos usados ou com desconto providos por outras lojas ou até outros clientes (grupos no Facebook e etc).

Esse é um daqueles momentos onde vemos claramente que as empresas “nos passaram a perna” (e muitos gostaram).

Sem o mercado de usados, o que sobra, esperar que as empresas sejam boazinhas o ofereçam promoção.

E como sabemos, com dólar e inflação até nos EUA, as empresas vão querer recuperar seus investimentos. Adivinha quem vai pagar a conta no caso? Exatamente...nós. 

Isso bate 100% com o exemplo que citei acima. Sem a opção de mídia física, o consumidor terá que pagar mais caro. Isso é bom? Onde?

Emprestar jogos para os amigos? Nunca mais

Já faz um tempo que a Xbox deseja acabar com a possibilidade de emprestar jogos para os amigos (veja aqui).

Quem não se lembra do vexame do vídeo tutorial sobre “como emprestar seus jogos” que a Sony fez para caçoar da Microsoft?

Não lembra? Reveja essa bizarrice no vídeo abaixo:




Isso sem mencionar que perderemos a opção de trocar os jogos.


Conclusão

Nem preciso dizer o qual arrependido o consumidores de Xbox estão por “abraçarem” o fim da mídia física.

Recentemente, a Microsoft se envolveu em uma polêmica ao anunciar o novo preço sugerido do Xbox Series S (quase R$ 1 mil reais de aumento na cara!). Além disso, já tem aumento do GamePass engatilhado (ainda há anunciar).

O fim da fabricação de mídia física no Brasil para os fãs de Xbox é um desastre que poucos vão se importar em um primeiro momento, mas muitos se arrependerão no futuro, quando tiverem dinheiro ou interesse de adquirir o Series X. 

 

E os jogos de PS5?

Para quem não sabe, quem publica os jogos de PS5 no Brasil é a Solutions 2 Go. Essa empresa já confirmou que não vai mais publicar filmes em Blu-Ray para a Sony no Brasil, mas a produção de discos de games segue intacta. Pelo menos é o que se espera.  

Por fim, acredito que os varejistas com lojas físicas não demonstram mais tanto interesse assim em vender jogos em mídia física e provavelmente veremos mais jogos de PS5 em marketplaces online do que em shopping e lojas físicas.

Obs. Sim eu sei que a Nintendo está "de volta ao Brasil", mas você vê promoções de Switch nas lojas? Eu não. 😜

 




Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Lojas Americanas faz promoção de "The Crew" em mídia física após desligamento dos servidores

Batocera para celular e TV Android (Retroarch configurado + 10 mil jogos)

15 Joias Escondidas do Mega Drive - Jogos Pouco Conhecidos